iniciar sessão

Notícias

Honda CR-Z

 Imagem Activa

O novíssimo Honda CR-Z fará a sua estreia mundial hoje no Salão Internacional de Detroit. Trata-se de um automóvel novo e único, que combina as vantagens de uma motorização híbrida, a gasolina e electricidade, limpa e eficiente, acoplada a uma transmissão manual de 6 velocidades, numa carroçaria elegante coupé 2+2*. Este novo e entusiasmante coupé vai alterar a percepção actual dos veículos híbridos, com o seu chassis focado no condutor e um motor de combustão, com boa capacidade de resposta, assistido pelo sistema IMA acoplado em paralelo. A versão europeia do Honda CR-Z será apresentada no Salão Automóvel de Genebra a realizar em Março de 2010.

 Imagem vazia padrão

- Primeiro automóvel híbrido do mundo equipado com transmissão manual de 6 velocidades
- Sistema único de 3 Modos de Condução para personalizar a direcção assistida, a resposta do acelerador e a assistência do sistema IMA às necessidades do condutor
- Motor i-VTEC de 1.5 litros acoplado em paralelo ao sistema IMA da Honda, com emissões de 117 g/km** e consumos de 5,0 l/100km**
- Formato coupé 2+2 totalmente novo, desportivo e aerodinâmico
- Chassis de curta distância entre eixos e de via ampla para um comportamento ágil
- A versão europeia estará equipada com uma configuração, de bancos, flexível 2+2

 

Introdução
O estilo exterior do CR-Z baseia-se no conceito "one-motion wedge” (um movimento em cunha), com um capot de linha rebaixada e uma posição larga, dando ao automóvel uma aparência confiante e atlética. As características da assinatura do design Honda, tais como o vidro da porta da bagageira, de duplo nível, e a linha aerodinâmica do tejadilho, rasa e inclinada, foram referenciadas e combinadas no design esguio deste coupé que apresenta um formato exterior curvilíneo e esculpido.


Pela primeira vez desde o lançamento do Insight original em 1999, vemos um sistema híbrido paralelo, económico e de baixas emissões combinado com uma transmissão manual de 6 velocidades, precisa e orientada para o condutor. O novo CR-Z junta pela primeira vez, desde o modelo Civic IMA com 5 velocidades de 2003, uma caixa manual convencional a uma motorização a gasolina e electricidade, apenas possível devido à incrível flexibilidade do sistema híbrido em paralelo Honda IMA.

A transmissão manual é complementada por um motor de combustão interna, com 4 cilindros e 1.5 litros de cilindrada sendo uma novidade na Europa e componente chave no carácter único do CR-Z. A natureza rotativa desta unidade, de média capacidade, é realçada pelos 78 N·m adicionais de binário fornecidos pelo motor eléctrico de 14 Cv, localizado entre o motor de combustão e a transmissão.

A unidade de 1.5 litros combinada com a potência e o binário do sistema híbrido IMA em paralelo oferece uma potência total de 124 Cv e 174 N·m de binário. O valor do binário máximo é idêntico ao do Civic 1.8 litros, mas com menos 35 g/km de emissões de CO2, registando apenas 117 g/km**.



O motor eléctrico proporciona no CR-Z uma curva de binário invulgarmente plana, com o valor máximo disponível logo às 1.500 rpm, um ponto invulgarmente baixo para um motor normalmente aspirado. Acoplado a uma transmissão manual de 6 velocidades, o motor de combustão assistido pelo sistema IMA oferece uma grande flexibilidade em todas as mudanças, com emissões reduzidas e um escape de sonoridade desportiva.

Para maximizar as escolhas do condutor e realçar as características de condução do automóvel no dia-a-dia, o CR-Z está equipado com um Sistema de 3 Modos de Condução. Esta característica única permite ao condutor escolher entre três modos de condução, alterando as respostas do acelerador, da direcção assistida, a temporização das paragens automáticas ao ralenti, o controlo da climatização e o nível de assistência fornecido pelo sistema IMA. Ao desenvolver este Sistema de 3 Modos de Condução, a Honda permite que o condutor escolha entre maximizar o prazer, a economia ou obter um equilíbrio entre os dois. Os engenheiros da Honda quiseram dar mais escolhas aos clientes na forma como podem conduzir o CR-Z, dependendo das suas necessidades e desejos na altura.




A versão do CR-Z, exclusiva para a Europa, está equipada com luzes diurnas de presença de oito LEDs, destacando a linha inferior dos faróis esguios. É a primeira vez que luzes diurnas de presença são instaladas num Honda de produção e combinadas com as luzes dianteiras de nevoeiro, exclusivas para a Europa, oferecendo um veículo com características mais personalizadas nesta versão Europeia.

A linha de tejadilho rasa e inclinada e a traseira abruptamente cortada do CR-Z são características partilhadas com outros veículos Honda do passado e do presente. Este design aerodinâmico reduz o atrito beneficiando os níveis de consumo de combustível e de emissões. A versão do CR-Z para a Europa tem uma disposição de bancos 2+2.

 

Imagem Activa


O interior do automóvel de produção foi desenvolvido a partir do Concept exposto no Salão de Tóquio, em 2007, com o seu habitáculo focado no condutor e os mostradores em 3D. Todos os comandos utilizados mais frequentemente estão localizados perto das mãos do condutor permitindo uma total e permanente concentração na condução.

O painel de instrumentos deste novo coupé tem uma construção complexa em dois níveis, com uma zona superior escura que parece flutuar por cima da secção inferior cinzenta clara que se prolonga para o centro dos painéis dos forros das portas.

O prazer de condução representou uma parte fundamental no design e o chassis do CR-Z desempenha um papel preponderante na criação do carácter do automóvel. A plataforma partilha alguns componentes com o Insight, mas a distância entre eixos, a largura de eixo e a configuração foram todos desenvolvidos propositadamente para este novo híbrido. Para reduzir peso e aumentar a resistência, o CR-Z recorre a unidades MacPherson em alumínio forjado, por comparação com as unidades em aço prensado usadas pelo Insight.

O CR-Z tem uma distância entre eixos 115 mm mais curta e menos 295 mm de comprimento total do que o Insight, destacando-se a agilidade e reduzindo a tara em 44 kg, quando comparado com o híbrido de 5 portas e cinco lugares. A suspensão do CR-Z apresenta molas e amortecedores de novas especificações e as tolerâncias são exclusivas para este coupé compacto.

* A configuração 2+2 só está disponível na Europa e no Japão.
** Todos os valores sujeitos a homologação

 Texto de responsabilidade da Honda Portugal - www.honda.pt