iniciar sessão

Notícias

A Honda no Salão de Genebra

A Honda no Salão de Genebra

O coupé Honda CR-Z terá a estreia mundial, da versão europeia, no Salão Automóvel de Genebra de 2010. Esta versão europeia apresenta bancos com disposição 2+2 e uma fila de 8 LEDs que constituem luzes diurnas de presença por baixo de cada farol.

 

Os clientes do CR-Z poderão usufruir do primeiro automóvel que combina um sistema híbrido com uma transmissão manual de 6 velocidades. A combinação de um eficiente motor a gasolina de 1.5 litros com o exclusivo sistema híbrido IMA em paralelo da Honda que equipa o CR-Z pode oferecer níveis mais baixos de emissões, permitindo no entanto ao condutor gozar de uma experiência de condução divertida e gratificante. A flexibilidade do sistema híbrido IMA em paralelo permite usá-lo numa transmissão manual, para que os condutores possam tirar partido da extensa amplitude de binário, mas mantendo uma excelente economia de combustível, com consumos de apenas 5,0 l/100km.

 

Para maximizar as escolhas do condutor e realçar as características de condução do automóvel no dia‑a‑dia, o CR-Z está equipado com um Sistema de 3 Modos de Condução. Esta característica única permite ao condutor escolher entre três modos de condução, alterando as respostas do acelerador, da direcção, a temporização das paragens automáticas ao ralenti, o controlo da climatização e o nível de assistência fornecido pelo sistema IMA.  Ao desenvolver esta nova característica, a Honda permite que o condutor adapte as definições do automóvel, de forma a apreciar melhor a condução nas suas estradas preferidas, maximizar a economia ou encontrar um equilíbrio entre os dois.

 

Os botões Sport já são bastante vulgares e, habitualmente, oferecem respostas mais rápidas do acelerador, mas o Sistema de 3 Modos de Condução da Honda é diferente. Este novo sistema altera o comportamento da motorização híbrida e a assistência da direcção assistida, para além da programação do acelerador entre os três modos.

 

Quando, longe da cidade, o condutor do CR-Z pretende tirar maior gozo da condução, pode colocar o veículo em modo SPORT. Isso melhora a resposta do acelerador, altera o comportamento do sistema híbrido IMA, proporcionando maior assistência do motor eléctrico e aumentando o peso da direcção assistida eléctrica.

 

A Honda sabe que mesmo o condutor mais entusiasta pode encontrar regularmente trânsito intenso, onde a maximização da economia de combustível é mais desejável do que percorrer a trajectória ideal ao descrever uma curva. Nessas situações, pode seleccionar-se o modo ECON, que dá prioridade à economia de combustível no funcionamento do acelerador electrónico, da unidade de controlo, do ar condicionado e do sistema híbrido. Para essas alturas, quando não é possível ou desejável praticar uma condução mais animada, a função de Assistência à Condução ECOlógica, em conjunto com o modo ECON, permite ao condutor melhorar sempre os seus consumos, quer seja a caminho do trabalho, quer seja no meio do trânsito intenso. 

 

Em todas as outras alturas, o automóvel pode ser utilizado em modo NORM, que dá um equilíbrio entre performances, economia e emissões, sendo o modo adequado à maioria das situações de condução.

 

A iluminação ambiente do velocímetro é utilizada da mesma forma que no Insight, ajudando o condutor a praticar uma condução mais económica e ecológica. Para além da função de Assistência à Condução ECOlógica, a iluminação do painel de instrumentos do CR-Z está ligada ao sistema de 3 modos de condução. Em modo NORM, o velocímetro está iluminado a azul, mas se o automóvel for conduzido de forma económica, a iluminação muda para verde. Em modo ECON, o velocímetro também está a azul (passando a verde quando conduzido de forma económica), mas existe também um ícone ecológico sob a forma de uma flor verde ao lado. Quando o velocímetro está iluminado a vermelho, isso indica que o CR-Z está em modo SPORT.

O CR-Z vai estar à venda em toda a Europa em meados de 2010.

 

Honda CR-V

O novo CR-V vai poder ser visto pela primeira vez no Salão de Genebra, incluindo exteriores e interiores revistos em toda a gama. As versões diesel estão equipadas com o mais recente motor i-DTEC de 150 Cv, agora disponível com transmissão automática. Todas as versões do CR-V beneficiaram de um conjunto de medidas de redução de ruído e pequenas revisões na suspensão, melhorando ainda mais o conforto.

 

Gama Honda

A zona de exposição da Honda no Salão Automóvel de Genebra também terá o veículo eléctrico a células de combustível FCX Clarity, para além das actuais versões do Jazz, Insight, Civic, Civic Hybrid e Accord.