iniciar sessão

Notícias

Honda X-ADV 2018

Honda X-ADV 20181. Introdução

Não é muitas vezes que vemos surgir no mundo das motos uma nova linha de pensamento que permite criar um novo tipo de proposta. Mas a Honda é um especialista em inovação e a tradição continua agora com a X-ADV.

O processo: consideremos os atributos de uma moto de aventura de média cilindrada – a fantástica atracção de um modelo "que-vai-a-todo-o-lado", uma posição de condução a direito, excelente visibilidade e uma extraordinária funcionalidade a toda a prova, seja no trabalho ou no lazer. Depois, vejamos como deve de ser um veículo típico para as deslocações casa-trabalho-casa: poderá ser uma scooter ou uma moto, mas terá de ser fácil de conduzir, ágil e oferecer toda a conveniência e eficácia e oferecer o melhor espaço de arrumação.

Se combinarmos estes dois conceitos, surge algo de interessante. Um novo conceito, um novo modelo com um estilo e uma imagem de SUV robusto. Este novo modelo estará completamente à vontade no meio do trânsito das cidades e totalmente equipada para facilitar a vida de quem vive e se move na grande cidade. E o seu motor e ciclística terão a capacidade de injectar uma promessa de aventura na condução de todos os dias.

Com um estilo criado no centro de R&D da Honda em Roma, a Honda X-ADV é este modelo. De forma nunca antes vista, este conceito traça um novo sentido de independência em duas rodas, reforçando o desejo intrínseco do condutor em se libertar, viajar e viver novas experiências. Ou seja, a X-ADV captura a essência da liberdade em duas rodas, mas de uma forma totalmente nova e entusiasmante. 

Nas palavras de Kenichi Misaki, Líder de Grande Projecto da X-ADV de 2017:

"O nosso conceito de desenvolvimento para a X-ADV foi muito simples: "Diversão Pura"!’, pelo que quisemos criar uma moto que viesse equipada de série com um espírito de aventura. Também sabíamos que teria de ser uma "ferramenta" com todas as capacidades que lhe permitissem mover-se à vontade na cidade e com as características de um veículo totalmente funcional. E, quando chegasse o fim-de-semana, a X-ADV teria de poder escapar-se de toda esta rotina do dia-a-dia, de uma forma única e com estilo que elevasse o espírito."

Honda X-ADV – Diversão Pura!

 

2. Generalidades do modelo

Com a sua postura elegante, robusta e elevada, a Honda X-ADV apresenta uma atitude cheia de intenção e pronta para todos-os-terrenos. E o seu aspecto robusto é acompanhado pela sua funcionalidade: o quadro foi pensado para oferecer um compartimento com grande capacidade de arrumação, 21 litros, debaixo do banco. A X-ADV também está equipada com um pára-brisas de 5 níveis de regulação, guiador cónico em alumínio, protectores de mão iguais aos da Africa Twin, painel de instrumentos de inspiração Rally e descanso central. O sistema Smart Key assegura uma excelente funcionalidade para o dia-a-dia.

As suspensões de longo curso absorvem os choques e são complementadas por jantes de raios de 17 e de 15 polegadas à frente e atrás, respectivamente, com pneus de tacos. As duas pinças de montagem radial e quatro êmbolos oferecem ampla potência de travagem com funcionalidade de controlo ABS. 

A transmissão de dupla embraiagem (DCT) da Honda é equipamento de série e, na X-ADV, esta aplicação selecciona relações de transmissão mais baixas para melhores respostas em modo D; estão disponíveis 3 níveis em modo S, com padrões de mudanças que oferecem uma condução mais desportiva. Para 2018, foi acrescentado um interruptor G para melhorar as performances na condução fora-de-estrada.

Perfeitamente adaptado à caixa DTC, o motor bicilíndrico de 745 cm³ da X-ADV debita binário forte nas gamas de baixa e média rotação, oferecendo acelerações fenomenais, logo desde muito baixa rotação. A X-ADV tem consumos de 27,9 km/l (3,58 l/100 km) (em modo WMTC) e agora possui sistema HSTC de controlo de binário com 2 níveis ou opção de desactivar.

Também para 2018, a X-ADV vai estar disponível uma versão de 35 kW para que os detentores de carta A2 possam apreciar a condução oferecida por este modelo. Na altura certa, este modelo limitado pode ser convertido em modelo "full power" num concessionário Honda.

 

3. Características principais

3.1 Estilo e Equipamento

 

  • Estilo único, robusto e elegante
  • Pára-brisas ajustável com 5 posições
  • Compartimento de arrumação debaixo do banco com 21 litros – com capacidade para um capacete integral
  • Tomada de CC para acessórios
  • Painel de instrumentos tipo CRF450 Rally
  • Iluminação integral de LEDs e activação por sistema Smart Key

 

O estilo da X-ADV foi criado e desenvolvido no centro de R&D da Honda em Itália para expressar o espírito de aventura a cada traço de design. A linha escarpada vertical da carenagem dianteira combina um toque de sofisticação com grande robustez. Uma outra linha luxuosa de carácter estende-se da frente à traseira através das carenagens e das tampas laterais angulares. A silhueta é deliberadamente vertical, com um estilo curto e condensador que destaca ainda mais o look de aventura.

Seja nas deslocações da cidade ou em viagem, o pára-brisas da X-ADV regula-se, sem recurso a ferramentas, a 5 posições, da mais baixa à mais alta, oferecendo sempre a melhor protecção contra o vento e demais elementos atmosféricos. A diferença total na altura é de 116 mm, com 11° de inclinação, entre o ponto mais alto e o ponto mais baixo. Todas as luzes são de LEDs e os dois faróis esguios (divididos por uma grelha de rede), os piscas de direcção compactos e o farolim traseiro de dupla lente conferem uma presença distinta tipo off-road à X-ADV.

O painel de instrumentos quadro e de grandes dimensões, inspirado na CRF450 Rally tem uma disposição coesa e apresenta todas as informações de que o condutor necessita à volta do velocímetro em posição central e do conta-rotações circular. As informações que o condutor consulta mais vezes estão dispostas na parte superior, mais perto da linha de visão, com tudo o resto colocado de lado, por ordem lógica.

Todas as luzes avisadoras relacionadas com o motor estão colocadas no fundo. Um mostrador separado, logo por cima do guiador cónico tipo off-road indica o estado da tranca de estacionamento e dos piscas.

Os protectores em plástico resistente para as mãos – no mesmo design da CRF1000L Africa Twin – afastam o vento e a chuva na estrada e protegem as manetes e as mãos contra impactos em fora-de-estrada. A protecção de cárter em alumínio reforçado de 2,5 mm de espessura resguarda a parte de baixo da X-ADV.

O compartimento debaixo do banco, com 21 L de capacidade aloja um capacete integral e possui iluminação de LED; a sua superfície texturada oferece uma iluminação uniforme e sem encandear. Debaixo do banco encontramos uma tomada de 12 V. O descanso central – com sensor de inclinação – é equipamento de série e permite estacionar a X-ADV em inclinações sem receio de que caia.

A X-ADV possui um sistema de Smart Key que fica no bolso do condutor e elimina a necessidade usar uma chave para accionar a ignição e para abrir o tampão do depósito e o banco. A Smart Key tem dois botões: ligar/desligar a função Smart e um botão de resposta, que faz piscar os indicadores de direcção para identificação do veículo à distância.

Na presença da Smart Key, basta carregar uma vez no botão de ignição da X-ADV para ser possível aceder à ignição, à tranca da direcção e, através dos dois interruptores basculantes, abrir o tampão do depósito e o banco. Este botão acede quando se carrega nele – ou ao accionar a função de resposta na Smart Key – com uma luz azul. Há um sistema imobilizador instalado de série e o mecanismo de embraiagem no botão da ignição impede que a direcção seja destrancada à força.

Como opção, estão disponíveis duas top cases: a de 45 L tem capacidade para dois capacetes integrais, vem em quatro opções de cor e está equipada com encosto. A mais pequena, de 35 L, tem uma pintura tipo alumínio e capacidade para um capacete integral. Também há disponível um porta-bagagens traseiro, barras de protecção dianteiras, protecções para pernas e pés e resguardos para o estrado.

A X-ADV vai estar disponível em cinco esquemas cromáticos:

Vermelho Candy Chromosphere – nova cor para 2018

Prata Metalizado Digital

Prata Mate Bullet

Branco Pérola Glare – uma pintura tricolor a lembrar a Africa Twin

Vermelho Grand Prix – uma pintura a lembrar a família de modelos off-road CRF

 

3.2 Motor

 

  • Picos de potência/binário de 40,3 kW/6/ N·m, respectivamente
  • Disponível em versão de 35 kW adequada a detentores de carta A2
  • Novidade para 2018 : o Sistema TCS Honda de Controlo de Tração Regulável (HSTC) com 2 níveis
  • O sistema HSTC também pode ser desactivado
  • Gama de rotações entre as 900rpm até 7.500rpm
  • Autonomia de 300 km graças ao depósito de 13,1 litros de combustível

 

O motor bicilíndrico paralelo de 745 cm³, SOCH e refrigerado por líquido da X-ADV foi concebido para oferecer elevado binário entre baixa e média rotação. Combinado com as relações de transmissão mais baixas da caixa DCT, esta unidade oferece acelerações potentes e instantâneas, de parado e nas recuperações a 30 km/h. O pico de potência de 40,3 kW surge às 6.250 rpm, com o pico de binário de 68 N·m aparecer às 6.750 rpm. Para 2018 o limite das rotações aumentou até às 7.500rpm permitindo uma utilização natural do motor até um limite mais elevado

Para que possua apenas carta A2, a X-ADV vai estar disponível em versão limitada de 35 kW; mais tarde, após a graduação carta de condução sem limitações, a X-ADV pode ser convertida facilmente num modelo "full power" em qualquer concessionário Honda. Do mesmo modo, os concessionários Honda também podem limitar a versão "full power" a uma potência de 35 kW, através da substituição da rampa de aceleração de série e da reprogramação da ECU. Na maioria das situações, esta limitada no pico de potência não se faz sentir e os tempos de aceleração dos 0 aos 100 m são idênticos aos da versão "full power".

Outra novidade para 2018 é o sistema HSTC de controlo de binário da Honda. Este sistema possui agora 2 níveis: o nível 1 permite algum grau de patinagem da roda traseira – na gravilha ou na terra, por exemplo; o nível 2 oferece uma condução segura e de confiança caso o piso esteja escorregadio. Quando se liga a ignição, o nível seleccionado por defeito é o nível 2 e basta um toque no botão do punho esquerdo para mudar para o nível 1. Carregar e manter carregado o botão desactiva o sistema HSTC.

O diâmetro e o curso são de 77 x 80 mm e esta arquitectura de curso relativamente longo e as câmaras de combustão de formato especial combinam-se com uma cambota de elevada massa de inércia para produzirem binário elevado. Os dois veios de equilibragem anulam as vibrações de inércia a alta rotação, refinando ainda mais um motor, deixando sobressair a sonoridade distinta dos 270° de desfasamento da ordem de ignição.

O sistema PGM-FI permite optimizar de forma precisa a relação ar/combustível e o ponto de ignição necessários para obter uma queima limpa e completa; o motor da X-ADV tem homologação EURO4, emissões de CO2 de 81 g/km e consumos de 27,5 km/l (3,63 l/100 km) (em modo WMTC), para uma autonomia aproximada superior a 300 km por cada depósito de 13,1 litros de combustível.

 

3.3 Transmissão de Dupla Embraiagem (DCT)

 

  • O novo interruptor G oferece mudanças mais directas com melhor tracção da roda traseira na condução em fora-de-estrada
  • Relações de transmissão mais baixas para acelerações e respostas mais rápidas
  • O modo S oferece 3 níveis de performance, indo de encontro às preferências do condutor

 

O sistema DCT da Honda tem gozado de enorme popularidade em todos os modelos onde é instalado e é equipamento de séria na X-ADV. O sistema usa duas embraiagens: uma para o arranque e para a 1ª, 3ª e 5ª velocidades; a outra embraiagem serve a 2ª, 4ª e 6ª, velocidades, com o veio primário de cada embraiagem localizado no interior delas. Cada embraiagem tem controlo independente pelo seu próprio circuito electro-hidráulico.

Há dois modos automáticos, mais um modo MT para mudanças manuais. Especificamente para a X-ADV – e oferecendo acelerações ideais para fugir aos congestionamentos de trânsito – o modo D selecciona relações de transmissão mais baixas em comparação com outras motos equipadas com DCT.

O modo S (que engrena mudanças mais altas e mais baixas a rotação mais levada do que em modo D, para condução mais desportiva) oferece três níveis de performances para agradar a todos os tipos de condutor; para a X-ADV, cada nível está programado com respostas mais agressivas. O nível seleccionado fica memorizado e passa a ser o modo S por defeito para os ciclos de condução seguintes. Isso também é indicado no painel de instrumentos.

A flexibilidade da X-ADV para enfrentar todos os tipos de terreno foi agora melhorada pela inclusão do interruptor G colocado à direita no painel de instrumentos. Um funcionalidade que já pudemos apreciar na Africa Twin, basta carregar no interruptor G independentemente do modo de condução para melhorar o controlo e a tracção da moto graças à redução da quantidade de patinagem durante as trocas das mudanças.

 

3.4 Ciclística

 

  • Quadro robusto em tubos de aço
  • Forquilha USD de 41 mm tipo cartucho e braço oscilante Pro-Link
  • Travão dianteiro com pinças radiais de quatro êmbolos, discos de 296 mm e ABS
  • Pneus 120/70 R17 à frente e 160/60 R15 atrás

 

A X-ADV usa um quadro em tubos de aço que permite obter um espaço grande debaixo do banco, complementado por um banco traseiro estreito com 450 mm de largura. O ângulo da coluna da direcção é de 27° e o eixo de arraste (trail) vale 104 mm, para uma distância entre eixos de 1.590 mm. Os 39° da coluna da direcção (e o raio de viragem de 2,8 m) tornam a X-ADV um modelo com elevadas capacidades de manobra no trânsito. As suspensões de longo curso – -153,5 mm à frente e 150 mm atrás – são complementadas pelos 162 mm de altura ao solo. O peso em ordem de marcha é de 238 kg. 

O banco tem 820 mm de altura e o guiador largo colocado a 910 mm asseguram uma posição de condução a direito, com excelente visibilidade para o condutor e acesso fácil com os pés ao chão graças aos contornos do banco.

Para enfrentar os terrenos mais difíceis, a forquilha USD de 41 mm tipo cartucho oferece afinação da pré-carga da mola e do amortecimento em extensão. O amortecedor traseiro também permite afinar a pré-carga da mola e é uma unidade monotubular com divisão de pressão, trabalhando sobre o braço oscilante em alumínio – fabricado em alumínio maquinado, secção oca e formato em U – por acção de um sistema Pro-Link.

As jantes de raios em aço com tratamento anti-corrosão são de 17 e de 15 polegadas à frente e atrás, respectivamente, contribuindo para a excelente capacidade da X-ADV em absorver as irregularidades do terreno de forma muito confortável. Os pneus de tacos aumentam a qualidade da condução e as válvulas dos pneus em forma de L permitem verificar facilmente a pressão de enchimento. Os pneus são de tamanho 120/70 R17 e 160/60 R15, à frente e atrás, respectivamente.

As pinças radiais de quatro êmbolos trabalham em discos de 296 mm e funcionam com ABS.

 

4. Especificações Técnicas

 

MOTOR

 

Tipo

Bicilíndrico em linha, SOHC, refrigeração por líquido

Cilindrada (cm³)

745 cm³

Nº de válvulas

4

Diâmetro x Curso (mm)

77 x 80

Relação de compressão

10,7 : 1

Potência máxima

40,3 kW às 6.250 rpm

Binário máximo

68 N·m às 4.750 rpm

Capacidade de óleo

4,1 litros

SISTEMA DE COMBUSTÍVEL

 

Alimentação

Sistema PGM-FI

Capacidade do depósito

13,1 litros

Consumos

27,5 km/l (6,63 l/100 km)

SISTEMA ELÉCTRICO

 

Arranque

Eléctrico

Capacidade da bateria

12 V-11,2 AH

Potência do alternador

420 W às 5.000 rpm

TRANSMISSÃO

 

Tipo de embraiagem

Hidráulica, multi-discos, húmida/Embraiagem dupla (DCT), multi-discos, húmida

Tipo de transmissão

6 velocidades

Transmissão final

Por corrente

QUADRO

 

Tipo

Diamante em aço

CICLÍSTICA

 

Dimensões (C x L x A)

2.245 x 910 x 1.375

Distância entre eixos

1.590 mm

Ângulo do avanço

27°

Eixo de arraste (Trail)

104 mm

Altura do banco (mm)

820 mm

Altura ao solo

162 mm

Peso em ordem de marcha

238 kg

Raio de viragem

2,8 m

SUSPENSÃO

 

Dianteira

Afinação

Traseira

Pro-Link com afinação da pré-carga da mola do amortecedor traseiro

RODAS

 

Dimensões da jante dianteira

17 polegadas

Dimensões da jante traseira

15 polegadas

Pneu dianteiro

120/70 R17

Pneu traseiro

160/60 R15

TRAVÕES

 

Tipo de ABS

2 canais

INSTRUMENTOS E SISTEMA ELÉCTRICO

 

Instrumentos

Digital

Farol

LEDs

Farolim

LEDs

 

Todas as especificações são provisórias e ficam sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Queira notar que os valores apresentados foram obtidos pela Honda segundo condições de teste normalizadas prescritas pelo WMTC (World Motorcycle Test Cycle – Ciclo de Testes Mundial para Motos). Estes testes foram realizados durante a condução em estrada com uma versão base da moto, apenas com o condutor e sem equipamentos adicionais. Os valores reais de consumo podem variar consoante a forma de condução, a manutenção realizada ao veículo, as condições atmosféricas e da estrada, a pressão dos pneus, a presença de acessórios e/ou de carga, do peso do condutor e do passageiro e outros factores.

 

Galeria