iniciar sessão

Notícias

A Honda renova gama de média cilindrada com 5 novas propostas para o Salão de Milão EICMA 2018

A Honda revela hoje a sua gama completa de modelos para 2019 no salão EICMA de Milão, com a introdução de dois novos nomes e três modelos extensivamente atualizados, que vêm trazer uma nova energia à exclusiva e abrangente gama de produtos de média cilindrada da Honda.

CB650R

Tendo já apresentado o trio composto pelos modelos naked CB1000R, CB300R e CB125R para 2018, a Honda aplica agora o seu "look" exclusivo "Neo Sports Café" ao setor de média cilindrada. O idioma de estilo é moderno e minimalista e mistura inspirações café racer com um formato trapezoidal supercompacto, num resultado fantástico. Esta disposição coloca o motor de quatro cilindros em linha numa posição de enorme destaque, com o farol redondo caraterístico e o depósito esculpido a sublinharem a assinatura de família "Neo Sports Café".

O aspeto premium é complementado por especificações também premium: forquilha Showa USD SFF invertida de 41 mm de diâmetro, pinças de travão radiais de quatro êmbolos, sistema HSTC de controlo de tração variável, embraiagem deslizante e painel de instrumentos ultramoderno.

O resultado é uma moto muito apetecível, com uma combinação única de excelente aspeto, performances fantásticas e especificações topo-de-gama.

 

CBR650R

Outro nome novo na gama da Honda é a desportiva CBR650R de média cilindrada.

O seu estilo é novo e de forte inspiração na CBR1000RR Fireblade, com linhas fortes e agressivas e carenagens laterais extensivas, para além de uma secção traseira super-curta e dois faróis de LEDs. A CBR650R é 6 kg mais leve do que a CBR650F (que vem substituir) e possui uma posição de condução mais desportiva graças aos avanços do guiador em posição 30 mm mais para a frente e aos poisa-pés mais para cima e para trás.

O seu clássico motor tetracilíndrico em linha tem mais 1.000 rpm de redline e produz mais 5% de potência de pico, chegando aos 70 kW às 12.000 rpm, assegurando que – juntamente com o seu aspeto esculpido e ciclística melhorada – este novo modelo merece, a toda a linha, a designação "R do seu nome.

Tanto a CB650R como a CBR650R vão ter disponível um kit de conversão para 35 kW.

 

CB500F, CBR500R e CB500X

Desde a chegada à Europa em 2013 do motor de dois cilindros paralelos da Honda de 500 cm³, uma unidade muito viva, a Honda já vendeu mais de 75.000 motos equipadas com este motor.

Equipando as CB500F, CBR500R e CB500X limitadas a carta A2, o motor de 2019 tem potência e binário mais fortes entre as três e as sete mil rotações por minuto e está montado neste trio de modelos com um conjunto de especificações atualizado e identidades roadster, sport e adventure bastante mais marcadas.

Todos estes três modelos têm agora uma nova suspensão traseira, embraiagem deslizante, iluminação integral por LEDs, painel de instrumentos LCD moderno com indicadores de mudança engrenada e para engrenar mudanças mais altas, bem como um novo silenciador de dupla saída e sonoridade mais rica.

A roadster CB500F apresenta um novo estilo mais vincado a todo o comprimento, com uma carenagem frontal mais angular e resguardos laterais que se interligam na perfeição com o depósito de combustível. A CBR500R também tem novo estilo: está agora mais estreita e mais afilada, com uma forte inspiração Fireblade e uma posição de condução mais desportiva.

Por outro lado, a CB500X, um modelo compacto de aventura, tem um fator "X" muito mais marcado graças à nova jante dianteira de 19 polegadas, às suspensões de maiores cursos à frente e atrás, ao banco mais esguio, à direção com maior ângulo e às carenagens mais robustas e resistentes, que também oferecem melhor proteção contra o vento.

As plataformas dos motores de 500 e de 650 cm³ constituem 35% das vendas de motos de grande cilindrada da Honda na Europa (incluindo a Rebel 500).

Estes cinco novos produtos para 2019 oferecem um equilíbrio excelente de performances de média cilindrada, para condutores de todos os níveis de experiência e representam opções intercalares com enorme potencial de transição para quem pretende aceder aos modelos de topo das gamas roadster, adventure e sports da Honda.

 

 

O salão EICMA também vai mostrar as novas atualizações de outros produtos Honda:

 

CBR1000RR Fireblade e CBR1000RR Fireblade SP

Após uma renovação integral em 2017, o conceito "Next Stage Total Control" da Fireblade foi melhorado para 2019, com alterações no seu sistema eletrónico com vista a otimizar as performances em circuito. Assim, os sistemas HSTC e ABS foram modificados e a programação de máxima potência foi aumentada, segundo os parâmetros do programa de MotoGP do HRC. As funções HSTC de controlo de tração e o controlo anti-cavalinho estão agora separadas e o painel de instrumentos tem um novo indicador W (Wheelie).

A cor Vermelho Grand Prix tem uma faixa branca mais larga, para um efeito ligeiramente mais "tricolor", enquanto a versão em Preto Metalizado Mate Ballistic é agora totalmente preta, com exceção do logótipo CBR vermelho.

 

X-ADV

Um êxito imediato aquando da sua chegada em 2017 e alvo de uma renovação em 2018, com a aplicação do sistema HSTC de controlo variável da Honda e um interruptor G para uma utilização fora-de-estrada mais fácil da sua caixa de dupla embraiagem, para 2019, a X-ADV, a "moto SUV" da Honda, tem agora novas cores, incluindo uma opção elegante em verde "camuflado".

 

GL1800 Gold Wing

Sinónimo de conforto, luxo, e qualidade nas viagens de longo curso durante mais de 40 anos, a Gold Wing for totalmente redesenhada em 2018, ficando mais viva, mais leve e mais compacta, mas mantendo toda a sua reputação de modelo-padrão em termos tecnológicos e com numerosas funcionalidades, incluindo a primeira aplicação do protocolo Apple CarPlay numa moto.

Para 2019, a GL1800 Gold Wing e a versão de caixa manual Gold Wing "Tour" estarão disponíveis numa nova cor elegante Preto Metalizado Darkness. A versão topo-de-gama Gold Wing "Tour" com caixa de dupla embraiagem estará disponível na nova cor Azul Pérola Hawkseye.

 

SH300i

Para 2019, a sempre popular scooter de média cilindrada e altas performances está equipada pela primeira vez com o sistema HSTC de controlo de binário variável da Honda e uma top case "Smart" comandada pelo seu sistema de chave de controlo remoto.

 

 

Galeria